fbpx

Portal Methodus

5 Pilares que Irão Evitar a Falência de sua Empresa

Sucesso

Todo empresário deseja que o seu negócio prospere e obtenha resultados duradouros, crescendo mais a cada dia, concorda?

O desafio de comandar uma empresa exige preparação e conhecimentos específicos de gestão. A vocação intuitiva para negócios não garante a sobrevivência da empresa.

Neste artigo, você vai descobrir os 5 pilares para construir uma empresa de sucesso, evitando resultados negativos e até mesmo a falência. 

Entenda a importância de ter objetivos bem definidos para o futuro do seu negócio, administrar corretamente as contas da sua empresa, gerir com eficiência seus processos e operações  e, por fim, agir de maneira estratégica no que diz respeito a competitividade e liderança. 

Continue lendo e descubra como levar a sua empresa ao nível de sucesso que você deseja! 

1. Planejamento

Ter objetivos bem definidos para o futuro de seu negócio é fundamental para saber quais os caminhos a seguir e quais as decisões mais acertadas a tomar no dia a dia da empresa.

Um planejamento empresarial para um período de 6 meses a um ano, já garante uma meta e uma visão de futuro para que você e sua equipe concentrem energias para buscar um resultado comum.

Exemplo de objetivos ou metas:

·        Aumentar o faturamento em 20%;

·        Aumentar a rentabilidade em 15%;

·        Abrir nova filial;

·        Ampliar a área de oficina para aumentar clientes;

·        Implementar uma seção de boutique com acessórios de
maior valor agregado;

·        Implementar e-commerce.

Fique atento: 

Planejamento sem um plano de ação e sem acompanhamento de indicadores, é somente um exercício de previsão de futuro.

2. Gestão Orçamentária

Falar em administrar bem as contas da empresa, parece uma condição óbvia para qualquer empresário, porém, nossa experiência em consultoria tem nos mostrado que essa área é bastante negligenciada nas pequenas e médias empresas, principalmente por se tratar de empresas familiares em sua maioria.

Confundir receita com lucratividade, falta de clareza sobre os recursos financeiros e sobre o resultado operacional são situações típicas dessas empresas.

Uma pergunta que sempre incomoda empresários e gestores é “qual é o resultado operacional de seu negócio?”. Normalmente a resposta está relacionada ao fluxo de caixa, e o incômodo ocorre porque não sabem exatamente como fazer essa apuração.

Uma gestão orçamentária eficiente, exige o controle das seguintes informações:

·      Apuração das despesas fixas e variáveis, com uma boa estrutura de plano de contas;

·      Acompanhamento do faturamento por produto ou serviço, e de preferência por canal de vendas;

·   Apontamento correto dos custos das mercadorias ou dos recursos para realização de serviços (se for o caso);

·   Registrar as despesas financeiras, taxas bancárias, custo de operações com cartões de crédito, juros e empréstimos;

·        Acompanhar o valor e a variação dos estoques;

·   Registrar todas as retiradas de pro labore para os sócios ou pagamento de despesas pessoais.

O uso de Sistemas Integrados de Gestão (ERP) torna-se essencial na medida em que a empresa movimenta muitos itens, e existem sistemas com custos viáveis para qualquer tipo de operação. 

Atribuir esses controles para a contabilidade da empresa, que normalmente é terceirizada, não garante uma visão gerencial do negócio. Esses recursos devem ficar disponíveis com relatórios e dashboards como ferramentas de decisão para os gestores e sócios.

3. Gestão Operacional

Saber o que ocorre no dia a dia de sua empresa irá evitar surpresas sobre o resultado e sustentabilidade do negócio.

Alguns processos são fundamentais para garantir lucratividade e crescimento:

·        Calcular a precificação dos produtos e margens de rentabilidade;

·        Acompanhar o faturamento diário;

·        Acompanhar o desempenho dos colaboradores;

·        Identificar e dar atenção especial aos principais clientes da empresa;

·        Gerenciar o fluxo de caixa da empresa;

·        Saber os índices de inadimplência.

Não significa que os gestores tenham que estar envolvidos nas atividades operacionais de cada um desses processo, mas implementar indicadores que permitam entender as tendências dos resultados e atuar sempre que necessário para corrigir os desvios e manter a empresa em direção aos seus objetivos.

4. Competitividade

Todo empresário precisa entender que só existe uma fórmula para que seu negócio tenha sustentabilidade:

RECEITA – DESPESAS = LUCRO

Isso também pode parecer óbvio, porém, muitos esquecem que a empresa é somente um gerador de despesas e que a receita está no mercado e na fidelidade dos clientes.

Observar as tendências, riscos e oportunidades que acontecem em seu segmento de atuação, observando concorrentes e fornecedores é o que diferencia os empreendedores de sucesso.

Essa visão estratégica é uma função difícil de delegar e uma característica fundamental que deve ser aprimorada pelo empresário para garantir uma gestão de sucesso.

5. Liderança

Um navio sem comando fatalmente irá navegar à deriva e dificilmente chegará a algum destino seguro. 

Um bom líder sabe onde precisa chegar, organiza sua equipe de forma eficaz, tem o sentimento de autorresponsabilidade, age com proatividade, entende de planejamento e estratégia e, acima de tudo, sabe envolver e motivar as pessoas que fazem parte de seu time.

Para seguir um líder, nós precisamos acreditar em seu sonho, em sua visão de sucesso. 

Por essa razão, encerramos nossas recomendações para que você conquiste seus objetivos como empresário e líder, com um discurso de Abílio Diniz, onde ele nos revela que “o grande segredo dos empresários de sucesso é buscar algo além da lucratividade, uma razão maior, um objetivo mais nobre para que você busque realização e felicidade em seu negócio”.

Lembre-se que você é responsável pela satisfação de seus funcionários e clientes, e que faz parte de um ciclo de geração de riquezas e de vida de muitas famílias.

Conclusão

Ser empresário em nosso país não é uma missão fácil. Muitos irão falhar. Segundo o SEBRAE, 60% das empresas fecham com apenas 2 anos de atividade.

Cabe a nós, empresários, desafiar essa estatística. Para isso, precisamos nos preparar, aprender, ter humildade para estender a mão, ajudando ou pedindo apoio. 

Buscar conhecimento com aqueles que já trilharam o caminho é sinal de maturidade e visão estratégica, é navegar usando tecnologia, encurtando o caminho para o sucesso.

A Methodus Consultoria possui profissionais com experiência de mais de 20 anos no mercado de Motopeças e tem trabalhado com Distribuidoras, Fábricas e Lojistas na implantação de processos de Gestão, otimizando resultados e competitividade.

Através da Metodologia CRESCER, desenvolvida e comprovada pelos resultados positivos obtidos por nossos clientes, temos soluções adequadas para cada perfil de empresa. 

Entre em contato com nossa equipe se deseja encontrar soluções viáveis sob medida, traçando caminhos seguros para o seu negócio.

Conte conosco!

 

compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Veja também:

WhatsApp