fbpx

Portal Methodus

Aplicativos de Delivery Aquecem Setor de Motopeças

Estabelecimentos passaram a investir mais nos serviços de entrega em domicílio durante a pandemia do Covid-19 para driblar a crise.

delivery

Em função das medidas preventivas, escolas, parques e shoppings foram obrigatoriamente fechados. Os únicos estabelecimentos com autorização para funcionar são farmácias, hospitais, supermercados e restaurantes.

A fim de tentar equilibrar a situação, os donos dos estabelecimentos que ainda funcionam passaram a investir mais nos serviços de entrega em domicílio. 

E é justamente no delivery que os profissionais entregadores têm investido os seus esforços para continuarem trabalhando e até mesmo fazerem uma reserva financeira, aproveitando a oportunidade de aumentarem seus ganhos. 

Segundo alguns motoboys cadastrados em aplicativos de entregas, a demanda aumentou consideravelmente e é a hora de aproveitar a grana extra. 

Incentivo dos Aplicativos

Os apps Rappi, Uber Eats e Ifood, em parceria com os restaurantes, têm oferecido cupons de desconto para estimular os pedidos online. Essas empresas também anunciaram assistência financeira caso algum trabalhador precise ficar em quarentena.

Para estimular ainda mais a entrega via delivery, os aplicativos colocaram a opção de entrega “sem contato físico”. Quando o cliente marca essa opção, o motoboy pode colocar o pedido na porta do cliente ao invés de entregar em mãos.

Para evitar o vírus, andar de moto é mais seguro do que andar de carro

Apesar de todos esses pontos positivos em relação ao setor de motos, os motociclistas devem continuar tendo cuidados de higiene. Recomenda-se que evitem contato com outras pessoas possivelmente infectadas e limpem o capacete com álcool 70%.

 

compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Veja também:

WhatsApp